Psicologia


  1. O apoio da psicologia na Intervenção Precoce é centrado na criança e na família de forma preventiva e habilitativa, com vista a assegurar as condições facilitadoras do desenvolvimento da criança. Realiza-se uma avaliação no contexto natural da criança e recolha de informação junto dos pais e educadores sobre o seu desenvolvimento aos vários níveis: motor, cognitivo, psicossocial e familiar.

  2. Envolvem-se os pais da criança e todos aqueles que são significativos na sua vida para a participação do trabalho terapêutico.

  3. A intervenção é realizada de forma lúdica (recurso a brincadeiras e jogos); promoção cognitiva (trabalhar na memória, aprendizagem e atenção) ou estimulação de competências sociais (comunicação, cooperação, responsabilidade).